terça-feira, 27 de setembro de 2011

O "descoraçado"



Afinal o teu coração era de vidro. Partiu-se mal lhe toquei. No primeiro sopro que lhe lancei estilhaçou-se e projectou milhões de partes de si, em lascas aguçadas. Caíram sobre o meu rosto e mataram-me de vergonha. Caíram sobre o meu amor por ti. Caíram sobre o meu amor por mim. 
Ficaste descoraçado. Ou apenas vestiste o traje da pessoa que já eras por dentro mas não se via por fora. 
E para mim é já tarde demais para recuar, quando todas as peças cristalinas da tua armadilha me estão já  cravadas nas costas e, irremediavelmente, em todo o meu corpo, que se tinha entregue já a ti. 
Não me avisaste que eras feito de uma loiça intocável. Que a matéria prima de que és feito é intocável mas não por ser sensível. É intocável por nunca me a teres dado a apreciar. Idiota esta minha pessoa que pensou poder bebericar de um fino vaso de cristal, quando a mais do que ânforas de barro não estou destinada.
Apesar de reconhecer-te agora como carrasco, hoje choro-te a falta. Choro a perda de uma coisa que não eras tu. Choro por algo que penso que perdi mas na realidade nunca esteve noutro lado que não fosse na minha cabeça. Ou mais lá dentro. Dentro do peito. Dos pulmões. Porque por esta altura já só te respirava. 

Nem cheguei a dizer que te amava e que o meu coração já era teu... de um traste descoraçado que não merece um segundo bater no peito.



5 comentários:

  1. Ficção ou realidade, muitas de nós já passámos pelo mesmo.

    ResponderEliminar
  2. :)

    http://campeonatoescritacriativa.blogspot.com/2011/05/7-edicao-jornada-3-texto-vencedor.html

    BeijOoOooOO

    ResponderEliminar
  3. Valeu!
    Além do paralelismo com o "Descoraçado", que foi interessante descortinar, deste-me a conhecer o caminho de um blog e site que não conhecia e que muito me interessaram.
    Obrigada!

    P.S. - Perto disto os conselhos sobre máquinas de lavar loiça não foram nada :)

    ResponderEliminar
  4. lol

    Os conselhos sobre máquinas de lavar loiça eram justamente para um "desafio" desses! ;P

    Tinha de escrever um texto em que a personagem principal era um copo vazio...

    :) Força nisso.

    BeijOoOOoOO

    ResponderEliminar