quarta-feira, 24 de junho de 2015

Andei a ler coisas para trás e encontrei uma velha amiga de que vos quero falar

Rocio Montoya



Por vezes, quando volto atrás no blog, como aconteceu hoje, aliás, agora mesmo, leio coisas e encontro-me em coisas que escrevi das quais já nem me lembrava e penso, sobre essas coisas e sobre essas pessoas que fui: caramba, como és uma pessoa bonita.

Depois, lembro-me das pessoas que estão desse lado - algumas ao meu lado - e que não gostam que eu escreva, e que já me pediram para parar de o fazer e penso: caramba, como os outros te acham uma pessoa feia.

[E acho que não mereço que me achem feia. Feia por dentro. Ou que me achem estupida, que é outra forma de me acharem feia. Ou que me achem ignorante, que é a forma mais feia de achar alguém feio. Na verdade, antes queria ser feia. Feia por fora. Para que me deixassem escrever qualquer coisa sem me chatear. Porque assim era só uma coitadinha. Uma coitadinha que, é tão feia, que, ao menos deixa-a lá escrever para mostrar o bocadinho de bonita que é lá por dentro.
E é esta a pessoa de que vos queria falar.]


3 comentários:

  1. Era o mesmo que me pedissem para parar de fotografar...
    um beijo grande miúda bonita

    ResponderEliminar
  2. Conheço-te daqui. És linda!

    Um beijo, DC. :)

    ResponderEliminar
  3. És linda e quem te lê sabe isso...

    Beijo DC

    ResponderEliminar